Publicações / Notícias
19/06/2017

As operações de Sale & Lease Back e suas vantagens no atual cenário econômico

 

Com o avanço da crise política e econômica no país, falências e recuperações judiciais de empresas tornaram-se notícias comuns em reportagens de jornais, revistas e mídias sociais. A palavra corporativa do momento agora é “sobreviver”.

Em tempos difíceis, operações de créditos tradicionais (empréstimos com garantia) para fluxos de caixa e outras obrigações, podem representar um engessamento do patrimônio, com pagamentos de taxas de juros exorbitantes.

Para muitas empresas, a sobrevivência pode estar dentro de casa. A operação de Sale & Lease Back pode trazer a liquidez que a empresa precisa em momentos de crise, com a continuidade de seus negócios. Os investidores deste mercado, costumam buscar empresas com risco de crédito baixo, um histórico de geração de caixa positivo e uma capacidade de crescimento num médio e longo prazo.

A operação se resume na alienação direta do(s) patrimônio(s) da empresa (imóvel) à um investidor qualificado, que no mesmo ato aluga o imóvel para o proprietário que o vendeu. Tudo isso, acompanhado da opção futura de adquirir o mesmo imóvel de volta, em prazos e valores pré-determinados entre as partes. Estamos falando de uma das operações do mercado mais baratas para aumento de liquidez.

Algumas vantagens, secundárias, de uma Sale & Lease Back, também merecem ser destacadas. São elas: (i) redução de impostos decorrentes do pagamento dos alugueres, pois estes passam a ser contabilizados como despesa operacional, reduzindo consequentemente a base de cálculo dos impostos. (ii) a flexibilidade de sublocações, reformas e expansões, com a concentração exclusiva da empresa no seu core business. (iii) possibilidade de investimento do capital proveniente da venda, em aplicações financeiras e/ou novos negócios.

Uma Sale Lease Back, é uma “captação de recursos”, decorrente da venda de ativo(s) e lastreada por alugueres (garantias poderão ser exigidas do locatário, como seguros, fianças, etc) em uma única operação imobiliária.

José Renato Gasparini
Sócio
jrgasparini@sfme.com.br

VOLTAR

Boletim Informativo

Cadastre seu e-mail para receber!